12.

A palavra de Deus: Mateus 11:2-15
João, ao ouvir na prisão o que Cristo estava fazendo, enviou seus discípulos para lhe perguntarem: “És tu aquele que haveria de vir ou devemos esperar algum outro?”
Jesus respondeu: “Voltem e anunciem a João o que vocês estão ouvindo e vendo: os cegos vêem, os mancos andam, os leprosos são purificados, os surdos ouvem, os mortos são ressuscitados, e as boas novas são pregadas aos pobrese feliz é aquele que não se escandaliza por minha causa”.
Enquanto saíam os discípulos de João, Jesus começou a falar à multidão a respeito de João: “O que vocês foram ver no deserto? Um caniço agitado pelo vento? Ou, o que foram ver? Um homem vestido de roupas finas? Ora, os que usam roupas finas estão nos palácios reais. Afinal, o que foram ver? Um profeta? Sim, eu lhes digo, e mais que profeta. 10 Este é aquele a respeito de quem está escrito: “‘Enviarei o meu mensageiro à tua frente; ele preparará o teu caminho diante de ti’.
11 Digo-lhes a verdade: Entre os nascidos de mulher não surgiu ninguém maior do que João Batista; todavia, o menor no Reino dos céus é maior do que ele. 12 Desde os dias de João Batista até agora, o Reino dos céus é tomado à força, e os que usam de força se apoderam dele13 Pois todos os Profetas e a Lei profetizaram até João. 14 E se vocês quiserem aceitar, este é o Elias que havia de vir. 15 Aquele que tem ouvidos, ouça!

09. Apenas uma palavra

Devocional dos alunos da Escola de Liderança da AMME para Adolescentes e Jovens. Esse devocional deve ser feito no dia 9 de dezembro. Leia o texto, medite sobre as perguntas no final e ore. (16 minutos de leitura)
……………………..

Muitas vezes nos perguntamos porque uma oração que fazemos, por melhor que fosse nossa intenção, não é atendida. Nos esforçamos por ser bons, por apresentar boas ofertas e prometemos um bom comportamento e nem assim somos recebemos o que pedimos. Será que Deus se esqueceu de nós? Será que Jesus não se importa com nossas súplicas, nossas lágrimas, nossos gritos? O medo de não serem atendidos se espalha entre muitos crentes e eles já nem oram para não se sentirem frustrados. Hoje veremos um homem que clamou de um modo que deixou Jesus admirado. Somente duas vezes lemos nos Evangelhos que algo deixou Jesus admirado: a fé do centurião que vamos examinar e a falta de fé dos concidadãos em Nazaré (Mc 6:6). Mas é o tamanho da fé que importa. Jesus disse que não. A fé pode ser do tamanho de uma sementinha de mostarda e mesmo assim acontecerem maravilhas (Mt 17:20). Esse texto vai nos esclarecer sobre como podemos orar e ser atendidos: de que isso depende e como funciona. Que fé precisamos ter para agradar a Jesus? Qual a relação da fé com a resposta às nossas orações?

Continue lendo “09. Apenas uma palavra”

05. Até que tudo se cumpra

Devocional dos alunos da Escola de Liderança da AMME para Adolescentes e Jovens. Esse devocional deve ser feito no dia 5 de dezembro. Leia o texto, medite sobre as perguntas no final e ore. (13 minutos de leitura)
……………………..

Qualquer governo se estabelece por uma lei. Porque para que alguém governe, sua vontade deve ser conhecida de todos. O governo de Deus também é assim, ele se expressa a partir da Lei, a partir da sua vontade que deve ser perfeitamente compreendida e interpretada, para ser praticada e ensinada a outros. Se, porém, alguém não anda de acordo com a Lei, se não atende à vontade manifesta de quem governa, o que é? Criminoso! Será julgado de acordo com a Lei e condenado. Em que a Graça muda isso? Não muda a Lei, mas a ênfase da condenação para a satisfação e o resultado. Nesse texto veremos que o sistema de condenação estabelecido pelos religiosos não produzia a satisfação e a realização da vontade de Deus. A nossa relação com a Lei é profundamente revista aqui. Prepare-se para essa mudança de pensamento que o Reino de Deus demanda.

Continue lendo “05. Até que tudo se cumpra”

02. Jesus começou a pregar

Devocional dos alunos da Escola de Liderança da AMME para Adolescentes e Jovens. Esse devocional deve ser feito no dia 2 de dezembro. Leia o texto, medite sobre as perguntas no final e ore. (13 minutos de leitura)
……………………..

A mensagem do Evangelho é o amor? Todas as formas de amor são agradáveis a Deus? O amor aos pobres é a essência do Evangelho? É na tolerância e aceitação de qualquer prática ou escolha que de fato amamos? Um mundo que nem mesmo conhece o Evangelho quer nos ensinar a vive-lo. Todos os dias, pessoas que desconhecem a Palavra de Deus, contaminadas pelo humanismo, egocêntricas e egoístas, enfrentam a Igreja de Cristo e a desafiam a viver conforme o que pensam ser mais correto ou piedoso. Quando falham em convencer os verdadeiros crentes, usando todas as armas da comunicação social, procuram impor seu pensamento através de leis e normas. No texto que temos adiante, ao iniciar seu criterioso relatório sobre a pessoa e o ministério de Jesus, Mateus nos ensina exatamente qual é a mensagem essencial do Evangelho. Esse texto deve nos trazer tranquilidade e segurança sobre o fundamento de nossa fé, mesmo que seja uma rocha de escândalo para a sociedade antropocêntrica que nos cerca.
Continue lendo “02. Jesus começou a pregar”

2. Quem realiza a vocação?

José Bernardo
Série Vocação: sete estudos bíblicos nos evangelhos para entender vocação conforme a Bíblia. A grande maioria dos alunos da escola de liderança para adolescentes e jovens – Pacificadores é de vocacionados ao ministério. Nesta série de estudos bíblicos você encontrará a visão bíblica (nos evangelhos) sobre este assunto.

Todos são vocacionados? Quem vocaciona? Por mais ampla que seja a vocação, por mais que todas as pessoas, em algum momento lidem com essa realidade, você sempre pensará na vocação de modo particular. Eu sou vocacionado? Qual é a minha vocação? O que vou fazer a esse respeito? Cada pessoa, e você também, pensa na vocação a partir de si mesmo. Isto está certo? É assim que você vai descobrir a sua vocação? Hoje, quero caminhar com você através deste tema, para descobrirmos juntos a quem se refere a vocação, quem são as pessoas envolvidas nela.

Continue lendo “2. Quem realiza a vocação?”

1. O que é a vocação?

José Bernardo
Série Vocação: sete estudos bíblicos nos evangelhos para entender vocação conforme a Bíblia. A grande maioria dos alunos da escola de liderança para adolescentes e jovens – Pacificadores é de vocacionados ao ministério. Nesta série de estudos bíblicos você encontrará a visão bíblica (nos evangelhos) sobre este assunto.

Conforme você chega à adolescência e juventude, começa a se perguntar que carreira deve buscar e como se preparar para ela. Nesse momento, termos como vocação, talentos e sacerdócio são reforçados em seu vocabulário. Infelizmente, entre pessoas que amam o mundo e as coisas do mundo, que estão cada vez mais distante daquilo que Deus prefere, tais palavras perdem o significado original que tinham na Bíblia e no cristianismo; assim fica impossível definir a vocação. Então, quero convidar você a voltar ao princípio e pensar no real significado do chamado.


Continue lendo “1. O que é a vocação?”