Pacificadores e saúde ministerial

Consideramos um ministério saudável aquele que tem recursos suficientes (humanos, materiais e estruturais) e os administra com eficiência e eficácia. Essa diretriz é bem exteriorizada na nova geração de líderes que estamos edificando, na medida em que boa parte dos alunos, mesmo muito jovens, se responsabiliza pelo custo de sua inscrição na escola Pacificadores além do transporte e outros custos. Em 2019, muitos alunos produziram e venderam alimentos, roupas e outros ítens. Um aluno em particular, que celebrou o fato de ter sido demitido e poder vir à escola, vendeu carteiras de plástico em ônibus durante meses, com isso pagou seus custos. Outro aspecto que mostra a saúde ministerial aplicada internamente é a adaptabilidade e sinergia de nossa equipe. Com apenas 12 missionários e 5 voluntários, realizamos toda a escola, desde a propaganda até o cuidado pessoal de cada aluno. Nossos missionários, acostumados a trabalhar com logística e treinamento para a evangelização, se tornaram professores, conselheiros, enfermeiros, decoradores, animadores, esportistas, sempre em total sintonia, atentos aos resultados a serem alcançados. Isso é saúde ministerial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *